Header Ads

TERCEIRA: A DESLUMBRANTE E HISTÓRICA ILHA DOS AÇORES



A ilha esconde histórias e segredos que a tornam única. Seja no património edificado ou na magia da Natureza este é o destino ideal para quem deseja aventura-se no Atlântico, à procura de umas férias surpreendentes.




A diversidade é enorme e há muito para fazer e conhecer. A beleza das paisagens naturais combina com um património histórico único. Palácios, palacetes, conventos, ruas e becos repletos de vida tornam as férias nesta ilha uma experiência única. Tudo isto fez também com que a zona central da cidade de Angra do Heroísmo fosse incluída na lista do Património Mundial da Humanidade pela UNESCO, em 1983.

Originalmente batizada como a ilha de Jesus Cristo, foi a terceira a ser descoberta pelos navegadores portugueses no final de 1420, o que lhe deu o seu nome atual. É a ilha mais a leste das cinco que compõem o grupo central do Arquipélago– constituído pela Graciosa, São Jorge, Pico, Faial e Terceira.


São muitas as aventuras que a ilha pode proporcionar ao turista: observação de baleias, mergulhos e passeios pelos parques e lagoas localizadas em caldeiras de vulcões. No campo da gastronomia não se pode ir embora sem provar uma alcatra, o prato típico da ilha, cozinhado durante 12 horas numa espécie de alguidar de barro. Existem alcatras de carne e de peixe, sempre acompanhadas por massa sovada. A Terceira é também famosa por eventos como as tradicionais Festas do Espírito Santo. E pela animada “tourada à corda”.

Há voos diários para a Terceira e promoções para viajar até este destino, igualmente conhecida por “ilha lilás”, pela abundância de hortênsias.

Conheça as principais atrações a não perder nesta ilha.

PRAIA DA VITÓRIA

Situada na baía da cidade da Praia da Vitória, possui o areal mais longo da Terceira. Apesar de ser muito central é fácil encontrar zonas tranquilas. Está equipada com boas infraestruturas de apoio e a água costuma ter uma temperatura agradável, convidando a um mergulho em família.




CENTRO HISTÓRICO DE ANGRA DO HEROÍSMO

Considerado Património Mundial desde 1983, a cidade de Angra do Heroísmo, capital da ilha Terceira, conta com um grande número de museus, igrejas, conventos, impérios, castelos e fortes. Recebeu a distinção devido ao traçado e organização urbanística, bem como ser parte fundamental da história portuguesa e de toda a navegação realizada no Atlântico.


FORTE DE S. JOÃO BAPTISTA

Construído há cerca de 400 anos durante a administração filipina, e em sua homenagem designado de S. Filipe, é a mais imponente construção de arquitetura militar da ilha e ergueu-se em defesa da identidade desta cidade. Planeado por um arquiteto militar português, João de Vilhena, foi construído entre o final do séc. XVI e o início do séc. XVII, seguindo o modelo renascentista.


ANTIGO CONVENTO E IGREJA DE SÃO FRANCISCO

Convento barroco onde funciona, atualmente, o Museu de Angra do Heroísmo. A igreja de Nossa Senhora da Guia localiza-se junto ao museu e é possível visitar o seu interior, bem como observar uma estátua de João Vaz Corte Real, Capitão Donatário de Angra do Heroísmo. O interior da igreja está dividido em três naves, em que se destacam algumas pinturas barrocas.


MUSEU DO VINHO

Neste museu, a 50 metros do centro da Freguesia dos Biscoitos, é possível ver todo o processo de produção de vinho, desde o cultivo da videira até à maturação da vinha e à transformação desta em vinho ou nos seus subprodutos. Este espaço cultural mostra ainda a história do vinho na região e na ilha, e a importância da casta Verdelha ao longo dos séculos. Alberga também a Adega do Vinho Verdelho, a Destilaria, a Sala de provas, a Sala de engarrafamento e a sede da Confraria do Vinho Verdelho dos Biscoitos.


OBELISCO DO ALTO DA MEMÓRIA

Construído com as pedras do antigo castelo dos Moinhos, foi erigido em 1856, em homenagem à passagem de D. Pedro IV pela ilha, no período da Guerra Civil Portuguesa. A primeira pedra para a sua construção foi uma das que o imperador havia pisado quando desembarcou em 1832. Excelente vista panorâmica sobre Angra do Heroísmo.


ALGAR DO CARVÃO

É sem dúvida a cavidade vulcânica mais conhecida nos Açores tendo-se tornado na primeira com condições de receção a visitantes. Situa-se no meio da ilha Terceira, a norte da cidade de Angra do Heroísmo, a cerca de 12 quilómetros por estrada. O acesso é fácil e apresenta boa sinalização. Esta chaminé vulcânica com 90 metros de profundidade foi formada há cerca de 3200 anos e tem túneis, escadarias e iluminação.


PLANALTO

A ilha Terceira é a que tem a maior superfície plana do arquipélago. Passear pelas estradas regionais que ligam Angra a Biscoitos é uma das melhores maneiras de viver esta paisagem. Vá devagar, parando para ver os bois e as vacas e não se admire se forem os animais a pará-lo a si no meio da estrada. Conduza devagar e tenha a máquina fotográfica à mão para trazer as melhores recordações das férias.


PISCINAS NATURAIS DE BISCOITOS E DA SILVEIRA

Estas piscinas naturais foram esculpidas entre “rios” de lava e têm uma série de recantos mágicos para mergulhar ou apenas ficar a relaxar. Ao lado do mar estão as vinhas de Biscoitos, uma cultura iniciada com o povoamento da ilha. Encontre os vinhos magma e muros de magma, da casta verdelho. Os quiosques de apoio à zona balnear vendem várias especialidades locais: saboreie as queijadas e as compotas. As Piscinas Naturais da Silveira, por se localizarem muito perto do centro de Angra do Heroísmo, são uma das mais concorridas da ilha.

Sem comentários